Últimos assuntos
» Quarto da Beca
31.01.15 20:42 por Rebeca Brandão

» Quarto da Flora
31.01.15 20:30 por Finn Castelo

» Quarto do Jack
29.01.15 22:52 por Rebeca Brandão

» Sala de estar
12.10.14 22:12 por Finn Castelo

» Sala de estar
15.09.14 15:43 por Jack Castelo

» Quarto do Finn
09.09.14 12:18 por Finn Castelo

» Sala de Jantar
16.08.14 17:34 por Rodrigo Rocha

» Sala de Estar
11.08.14 21:51 por Aimee Mota

» Quarto do Rodrigo
04.08.14 13:18 por Aimee Mota

Parceiros
     
Para fazeres parceria basta mandares mp a uma das Admin's com uma imagem ilustrativa ao teu fórum. 

Sala de estar

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 23.05.14 22:51

.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 23.05.14 22:52

Arregalei ligeiramente os olhos, quando o ouvi dizer-me que era bonita e tentei que as minhas bochechas não ficassem vermelhas, visto que era o que acontecia sempre que alguém me elogiava.
- Obrigada, acho eu.- murmurei, algo atrapalhada, mas rapidamente me endireitei, numa tentativa de evitar que ele reparasse. Recostei-me no sofá, ficando a brincar com as franjas da almofada e só o voltei a olhar quando voltou a falar dos jornalistas, utilizando um nome nada agradável para os caracterizar.- se continuares a insultar o jornalismo em si, que é a área que eu estudo, o mais provável é esta tua técnica de engate perder o efeito.- encolhi os ombros.- nem todos são iguais, nem todos procuram o mesmo tipo de notícias.- disse.- há jornalistas e jornalistas.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 23.05.14 22:59

Agarrei no telemóvel, para me orientar nas horas. Uma coisa era certa, a minha saída com os amigos estava arruinada, tinha que pelo menos lhes dizer que já não ia. Agora, se lhes explicasse o porquê eles não ia acreditar. Enfiei o telemóvel no bolso depois de mandar as mensagens e olhei-a. Fiz uma careta - ew, já perdeste o encanto - brinquei quando me disse que estudava jornalismo - estou a brincar - disse logo de seguida, antes que ela não percebesse - não leves a sério nada do que eu digo - encolhi os ombros em relação ao que disse sobre os jornalistas - eu sei, mas eu não considero os paparazzi como jornalistas - encolhi os ombros - e espero seriamente que tu não te tornes naquele tipo de "jornalista" porque serias odiada e adorada por vender mentiras ao mundo.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 23.05.14 23:13

Assim que ouvi a sua primeira resposta face ao que eu tinha dito, a minha reacção foi revirar os olhos, coisa que se foi suavizando à medida que ele foi falando.
- Isso quer dizer que também não devo levar a sério quando disseste que era bonita? - meti-me com ele. mostrando-lhe um leve sorriso e endireitei-me, pronta para responder ao que me disse. Desde pequena que a área de jornalismo era a que sempre me tinha fascinado mais. Adorava o facto que eles tinham de conseguir informar as pessoas de tudo o que se passava no mundo, a capacidade que tinham de interagir sobre as mesmas e, especialmente, a capacidade que tinham de se expressar.- não tens de te preocupar.- disse-lhe.- eu não sou muito da onda das revistas cor de rosa.- encolhi os ombros, pousando a cabeça sobre o braço que estava em cima do sofá.- prefiro notícias com mais consistência.- gargalhei.- a mim pouco me interessa se tens uma ou dez namoradas.- murmurei, falando nele especificamente, por ser uma pessoa famosa.- mas já agora, és qual dos gémeos?
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 23.05.14 23:19

Ri-me abanando a cabeça - Não, se fosses feia eu não só tinha fugido dos paparazzi também tinha fugido de ti - brinquei e endireitei-me quando me apercebi que a casa parecia vazia - não está cá mais ninguém pois não? É que não é suposto incomodar ninguém aliás, a culpada de eu estar aqui és tu - apontei para ela com um sorriso. Agarrei numa almofada começando a brincar com ela e levantei-me até ir espreitar pela janela rindo-me quando me perguntou qual dos gémeos era. - sou aquele que não tem nenhuma namorada - disse com um sorriso, sabendo que nenhum dos dois nunca tínhamos tido namoradas a sério - vais ter que adivinhar.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 23.05.14 23:43

Assim que ouvi a sua resposta, foi impossível não me rir e não lhe atirar com a almofada que até então segurava.
- Então quer dizer que se eu fosse feia ias deixar-te ser apanhado pelos paparazzi? - revirei os olhos com um sorriso.- sim, porque não penses que toda a gente te ia ajudar como eu te ajudei.- reclamei, sabendo que tinha razão naquilo que dizia. Eu própria ainda não sabia o porquê de o ter feito, mas a verdade era que fizera e que não estava arrependida, não sabia o que era ser seguida por pessoas a quererem bisbilhotar a minha vida, mas de certeza que não era a melhor coisa do mundo, muito pelo contrário. Olhei para a porta da sala, assim que o ouvi perguntar-me se estava mais alguém em casa e assenti com um pequeno encolher de ombros.- a minha mãe vive comigo.- murmurei.- mas não te preocupes que ela não acorda, chego todos os dias por volta desta hora e ela nunca dá por mim.- sorri debilmente, deitando a cabeça no encosto do sofá e segui-o com o olhar, semicerrando os olhos assim que percebi que não me ia dizer o seu nome.- pelo que ouvi dizer, as coisas que vocês mais gostam é de festas.- disse.- não parece que festas e compromissos sérios resultem bem juntos.- gargalhei, olhando-o com atenção.- mas pela forma como estavas a fugir deles, atreveria-me a dizer que és aquele que faz mais porcaria.- provoquei, dirigindo-lhe um sorrisinho.- acertei?
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 24.05.14 0:00

-Mais ou menos - disse com uma careta, sorrindo de seguida. Provavelmente teria aceitado a ajuda, desesperado como estava naquele momento... - Eu sei, mas parece que tive o meu dia de sorte hoje - disse com um sorriso afastando-me da janela quando vi que havia alguns a falarem uns com os outros, com as máquinas nas mãos. Eles não deviam ter mais famosos para seguir. - Se o meu irmão está na mesma situação... - comentei baixinho para mim indo sentar-me de novo no sofá enquanto ouvia a sua resposta à minha pergunta. Olhei para a porta, como se alguém pudesse entrar por lá e juntei as sobrancelhas, sentindo uma ponta de culpa só de pensar se ela acordasse por minha causa. Encostei-me ao sofá, tal como ela, esperando que ela me dissesse quem eu era e revirei os olhos quando me disse que o que nós mais gostávamos era de festas - nós gostamos de nos divertir, como todos os adolescentes e jovens adultos do mundo - corrigi-a com os braços cruzados enquanto esperava que ela continuasse. - Eu? - perguntei soltando uma gargalhada, calando-a mal me lembrei da sua mãe - Eles só me seguiram porque era conhecido, uns chamaram-me Finn, outros chamaram-me Jack - encolhi os ombros - não foi por fazer mais porcaria, por isso estás completamente errada - sorri de uma forma matreira - se acertares fico a dever-te dois gelados.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 25.05.14 19:21

- Pois foi.- concordei assim que disse que aquele tinha sido o seu dia de sorte.- eu até acho que me deverias chamar de teu anjo da guarda.- murmurei, com um ar bastante sério, mas disse-lo num tom mais divertido, para que percebesse que estava a brincar. Encostei a cabeça ao sofá, acabando por esticar as pernas no mesmo, visto que era pequena e ele iria caber ali na mesma e, assim que se sentou, fiquei a olhá-lo, suspirando quando corrigiu o que eu disse, dizendo que ele e o seu irmão gostavam apenas de se divertir, como qualquer outro adolescente.- eu invejo-vos por isso.- confessei com um encolher de ombros.- gostava de ter a oportunidade de me divertir como vocês se divertem.- fiz uma pequena careta, passando uma das mãos pelo cabelo e quando percebi que tinha errado no que tinha dito sobre ele, semicerrei os olhos, ficando a olhá-lo até terminar de falar.- dois gelados é uma proposta bastante tentadora.- sorri, ficando a olhá-lo com muita atenção e, visto que tinha dado a entender que não era aquele que fazia mais porcaria, eu decidi tentar a minha sorte.- vou acreditar nas minhas capacidades de memorização e atrever-me a dizer que és o Jack.- fiz uma cara de sofrimento.- diz-me que acertei, gosto demasiado de gelado para desperdiçar assim uma oportunidade.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 26.05.14 20:26

Sorri-lhe de uma forma gozona - meu anjinho da guarda - disse num tom teatral rindo-me baixo de seguida. Quando me voltei a sentar só tive tempo de levantar uma sobrancelha. Olhei para... - não sei o teu nome - disse depois dela me ter dito que me invejava a mim e ao meu irmão - não invejes - acabei por dizer - nós podemos divertir-nos e fazemos tudo o que os adolescentes normais da nossa época fazem, mas porque somos conhecidos estamos logo na boca do mundo a ser crucificados - encolhi os ombros - mas já que temos um dia combinado para ir comer um gelado... - comecei sugestivamente - pode ser que esse dia seja o teu dia da sorte, também. - sorri à espera que ela tentasse adivinhar o meu nome e mordi o lábio quando disse o nome correto, rindo-me do que disse a seguir - acho que gostas mais é daqui do Jack para te pagar o gelado - gozei.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 30.05.14 22:23

Sorri toda presunçosa, assim que me chamou de anjinho, tal como eu lhe tinha sugerido que fizesse, e acabei por sorri ainda mais quando constatou ainda não saber o meu nome.
- Acho que agora é a tua altura de adivinhar.- murmurei com um ar maroto, visto que também me tinha feito adivinhar o seu.- para além de anjo, tenho cara de quê? - semicerrei os olhos, ficando à espera que respondesse, mas logo fiquei ligeiramente mais séria mal começou a explicar que, apesar de poderem sair como os outros adolescentes, tanto ele como o seu irmão tinham a sua vida condicionada por serem famosos.- eu percebo o que queres dizer.- assenti.- apesar de não ter bem a noção do que é ser famosa.- gargalhei, olhando-o logo de seguida.- é impressão minha ou isso foi uma forma disfarçada de me convidares para sair contigo? - atirei-lhe a brincadeira, em tom de brincadeira e mexi ambas as sobrancelhas assim que afirmou ser o Jack, rindo-me com o que disse depois.- tu é que deves adorar a minha companhia para me estares a oferecer um outro gelado.- provoquei.- mas eu sempre acreditei nas minhas capacidades.- disse convencida.- era mais do que óbvio que ia acertar.- encolhi os ombros, como se nem tivesse sido assim grande coisa.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 30.05.14 22:45

-Como é que eu posso adivinhar o teu nome? - perguntei levantando ambas as sobrancelhas e ri-me da sua seguinte pergunta - Provavelmente és portuguesa, por isso... Rita? - fiz uma careta, a minha especialidade não eram nomes portugueses, de todo. Só de pensar que o meu pai me queria chamar João dava-me um ataque. - Oh, vais ter, garanto-te- disse assentindo e apontando com a cabeça para a janela, mais propriamente para os poucos dos paparazzi que restavam. - pelo menos uns dois dias de fama. ri-me negando à sua pergunta - não, eu não convido pessoas para sair discretamente, sou bastante indiscreto aliás. - Encostei-me ao sofá agarrando a uma almofada e ri-me - foste muito fraquinha em comparação a outras miúdas. - gozei-a, referindo-me dela a descobrir quem eu era.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 30.05.14 22:55

- E eu a pensar que tinhas alguma espécie de poder para seres assim tão famoso.- gozei, abanando a cabeça quando errou no meu nome.- também começa por R, mas não é Rita.- ri-me, esticando uma mão para ele.- sou a Rebeca, prazer.- brinquei, acabando por me esticar até uma das mantas que tinha junto do sofá e tapei as minhas pernas, acabando por deixar um bocado mais de manta, para o caso de ele também se querer tapar. Encostei a cabeça ao sofá, ao mesmo tempo que o ouvia dizer-me que ia ser famosa e não cheguei a perceber onde queria chegar, até o ver apontar lá para fora, para os paparazzi.- sendo assim, acho que vou aproveitar ao máximo esses dois dias.- gozei.- pode ser que ainda dê alguns autógrafos e tudo.- disse com um ar muito sério.- o que achas de: beijinhos e abraços da nova namorada do gémeo Jack? - fiz um gesto com as mãos, como se estivesse a afixar um grande anúncio, mas não aguentei durante muito tempo, tendo de me rir logo de seguida. Abracei-me a uma outra almofada, voltando a concentrar o meu olhar nele e acabei por revirar os olhos com o que disse.- desculpa lá se não sou uma daquelas miúdas todas malucas por ti que até a cor da tua roupa interior sabe.- resmunguei, fazendo uma careta logo de seguida. Era estranho o amor que a maioria das raparigas tinham por ele e pelo seu irmão, era quase como se fossem alguma espécie de Deuses. Tudo bem que eram giros,mas não era preciso tanto.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 30.05.14 23:18

-Oh, que pena, Rita é o único nome português que gosto - gozei quando ela disse que não era esse o nome e, assim que se apresentou sorri-lhe de um jeito maroto - uma vez ouvi um português dizer que prazer era na cama - antes que ela dissesse alguma coisa levei as mãos ao ar enquanto me ria - Desculpa, eu tinha que dizer isto alguma vez na vida. - acho que a culpa também era da bebedeira do sono que começava a ter, já sentia os meus olhos inchados com a preguiça, não devia ter mesmo saído de casa hoje. Estiquei-me até à manta com que ela se tinha tapado e tapei também o meu corpo - Dar autógrafos é uma seca - queixei-me tentando ser sério com o que disse logo de seguida. - Eu acho que está perfeito, até podes dizer que fazemos a três. - gozei. Eu só não conseguia deixar de ser perverso. Fiz um ar pensativo levantando as mantas para ver a cor dos meus boxers - sim, elas conseguem ser bastante fanáticas - encolhi os ombros - mas olha que é de todas as idades.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 03.06.14 18:39

- Correcção: a partir de hoje, Rebeca é o único nome português que gostas.- corrigi-o, ao mesmo tempo que lhe dirigia um sorrisinho e, assim que o ouvi dizer que prazer era na cama, não ouve como não me rir. Juntei ligeiramente as sobrancelhas, ficando a olhá-lo enquanto se desculpava e abanei a cabeça ainda a rir, endireitando-me no sofá antes de falar.- se há uma coisa que precisas de aprender sobre os portugueses é que são bastante perversos e sem papas na língua.- pisquei-lhe o olho.- mas também não me parece que sejas muito diferente, não é? - provoquei, passando as pontinhas dos meus dedos pela minha manta fofinha. Quem diria que a noite iria acabar comigo em casa, no sofá, a falar com um dos cantores mais cobiçados de sempre? E além disso, quem diria que eu ia gostar da conversa? Sorri ao de leve com os meus pensamentos, ficando absorta nos mesmos durante breves segundos e, assim que o vi elevar o corpo e olhar para os boxers, consegui voltar a concentrar-me. E antes que pensem coisas, foi mesmo só por achar engraçado! - já que eu não sou assim tão fanática.- mostrei um ar bastante inocente.- podes dizer-me qual é a cor ou vou ter de adivinhar? - ok, se calhar não tinha sido só por achar engraçado. Continuei com o meu ar inocente, como se aquela pergunta não fosse nada demais e, antes que ele falasse, apontei um dedo na sua direcção.- estás proibido de pensar seja o que for, é só por curiosidade.- esclareci.- afinal de contas, devo ser a única rapariga que não sabe.- gozei, passando as mãos pelo cabelo e não consegui não fazer uma careta com o que ele disse depois.- para todas as idades? - perguntei.- devo dizer-te que não é nada agradável imaginar velhas caquécticas a babarem-se por ti.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 03.06.14 19:16

Ri-me juntamente com as suas gargalhadas e enfiei a cabeça numa almofada enquanto bocejava - Eu sou português! - respondi-lhe quando ela disse que não era muito diferente dos portugueses, que eram perversos e sem papas na língua. - se bem que não percebi muito bem o que são papas na língua. - disse com uma careta - tem aspeto de doença. - podia estar a dizer uma coisa absurda, mas não tinha culpa.
Olhei-a de lado com um sorriso maroto assim que ela tentou com que eu dissesse de que cor é que eram os meus boxers - não, vais... exatamente vais ter que adivinhar - encolhi os ombros ainda com o mesmo sorriso. - Claro, só por curiosidade - disse também como se fosse algo normal, apesar de estar a insinuar que não era só por isso. - não, estes são novos, acho que ainda ninguém sabe. - ri-me.- Isso é porque elas não se babam, simplesmente acham que somos uns netos ideais e que cantamos bem, óbvio.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 03.06.14 21:16

- Não és totalmente português.- discordei, atirando-lhe com uma almofada para cima da cabeça, depois de ter enfiado a mesma numa outra, e os meus olhos arregalaram-se com o que disse logo de seguida, ou melhor, quando disse que não sabia o que eram papas na língua. Tapei a boca com uma mão, de modo a abafar as gargalhadas, e cheguei mesmo a tentar controlá-las, ou ele ainda pensava que o estava a gozar.- não, não é uma doença.- gargalhei, passando as mãos pela barriga.- não ter papas na língua significa não teres medo de dizeres o que pensas.- tentei explicar ao mesmo tempo que tentava também ficar mais séria.- mesmo que isso não seja muito agradável de se ouvir.- conclui, esticando uma mão até lhe despentear o cabelo, visto que estava suficientemente próximo para isso.- por exemplo, eu agora vou dizer-te que és horrível e, mesmo que não gostes, ao menos sabes que não tenho papas na língua.- provoquei-o, com um sorriso que ele não via e quando voltámos ao assunto dos boxers, os meus olhos reviraram-se, graças ao sorriso que invadiu a sua face.-és tão previsível.- queixei-me, e visto que haviam milhares de probabilidades, acabei por apostar numa cor.- tens cara de quem gosta de boxers azuis.- semicerrei os olhos, levantando ligeiramente a manta, o que era inútil visto que ele estava com as calças e eu também estava só a brincar.- acertei? - subi o olhar para o seu.- sim, mas de certeza que há outras que não pensam em vocês como netos.- encolhi os ombros.- sempre ouvi dizer que as mais velhas têm queda pelos mais novos.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 03.06.14 21:41

-Mas o meu pai é e vinha cá quase todos os anos durante meses no verão - ainda me lembrava das  nossas férias cá como se fosse ontem. Eram simplesmente tão boas e nessa altura ninguém nos conhecia, não tínhamos que fugir como tinha fugido hoje. Como agora estávamos a estudar, eu e o meu irmão, não podia dizer que estávamos de férias, mas estávamos numa pausa no nosso verdadeiro trabalho. Desviei o olhar para Rebeca, acordando dos meus pensamentos quando ela começou a rir-se do que tinha dito e percebi que não era nada disso. Ri-me com ela, mandando-lhe uma das almofadas que estavam à minha volta e voltei a deitar a cabeça sobre uma delas ouvindo atentamente a sua explicação, ou pelo menos tentei - Oh - assenti com os olhos na forma de batatas e a pesarem toneladas - então eu não tenho papas na língua - teria feito um sorriso e uma expressão convencida e superior, mas nem tive forças para isso - é o que dizem - comentei rindo-me quando disse que era previsível e abanei a cabeça - a minha cor favorita é azul, mas acho que agarrei nos do meu irmão - respondi com uma risada que se desvaneceu aos poucos porque nem cheguei a responder à sua pergunta, adormeci logo.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 07.06.14 23:24

- Isso não faz de ti um português.- insisti, apenas para o irritar e agarrei na almofada que me mandara, colocando-a atrás da cabeça, de forma a ficar mais confortável. Levantei ambas as sobrancelhas quando o ouvi dizer que não tinha papas na língua, obviamente muito mais esclarecido sobre o que aquilo queria dizer e sorri, ajeitando a manta sobre nós, de modo a ficarmos mais quentinhos. Eu não sabia se os paparazzi ainda continuavam lá fora, mas começava a ficar demasiado cansada para me levantar e ir lá fora ver. Por isso, mantive-me sentada, até que, tal como Jack, os meus olhos começaram a pesar e eu acabei mesmo por adormecer.
Não sei quantas horas consegui efectivamente dormir mas, assim que comecei a despertar, aos poucos, percebi que já era de dia. Fiz uma pequena careta, dado as dores de costas que sentia, e comecei a abrir os olhos devagarinho, apercebendo-me de que Jack tinha passado a noite ali, visto que continuava deitado ao meu lado. Pelo menos não se tinha ido embora sem se despedir, já não era mau de todo. Endireitei-me, tentando não me queixar por causa das dores e afastei a manta do meu corpo, levantando-me para ir até à janela. Como seria de esperar, e felizmente, já não havia ninguém com câmaras nas mãos do outro lado. Soltei um pequeno suspiro, voltando a aproximar-me do sofá e sentei-me na pontinha do mesmo, mais perto do corpo de Jack.- Jack..- chamei baixinho, começando a abaná-lo devagarinho.- acorda, eles já foram embora.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 07.06.14 23:35

Mal me remexi no sítio onde estava sentado senti mas minhas costas estalar fazendo com que não conseguisse evitar um pequeno gemido dorido. Abri os olhos lentamente, vendo que estava alguém ao meu lado e só me comecei a lembrar do sítio onde estava ao ouvir Rebeca dizer-me que já tinham ido embora. Sentei-me no sofá num salto, de olhos arregalados e espreitei para a porta da sala, por causa da sua mãe - desculpa- pedi-lhe - eu deixe-me adormecer e nunca mais acordei - fiz uma careta passando as mãos pelo pescoço e apesar da minha indisposição matinal forcei-me a ser minimamente normal. - É melhor ir embora, antes que a tua mãe me veja e ainda se passe, mas... para quando é que fica o nosso gelado? - perguntei com um sorriso maroto nos lábios.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 07.06.14 23:43

Parei de abanar Jack, assim que o senti remexer-se e percebi que, tal como eu, também ele estava cheio de dores. Se ao menos ele fosse mais levezinho, eu tê-lo-ia levado para o meu quarto, mas era rapariga, nunca teria conseguido levantá-lo daquele sofá. Arregalei os olhos, assim que ele fez o mesmo e se sentou no sofá de uma forma instantânea, e tive de me afastar ligeiramente, apenas para lhe dar mais espaço.
- Não tens que pedir desculpa, eu também adormeci.- disse, para que ficasse mais descansado e quando falou na minha mãe, eu olhei para a porta da sala, encolhendo os ombros.- ela não sai do quarto, não tens de te preocupar com isso.- murmurei, juntamente com um suspiro.- podes comer qualquer coisa antes de ir embora, aposto que tens fome.- semicerrei ligeiramente os olhos, como que a avaliar a resposta que me iria dar e, quando falou no nosso gelado, eu acabei por me rir baixinho, graças ao seu sorriso.- tu é que és a celebridade.- ajeitei a minha roupa.- tu é que sabes quando podes arranjar tempo para mim nessa tua agenda preenchida.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 08.06.14 0:02

Juntei as sobrancelhas ao ouvi-la falar da mãe e comecei a calçar-me, visto que durante o sono tinha tirado uma das sapatilhas. - Ela não sai do quarto? - repeti a sua afirmação e mesmo não me querendo meter muito a minha curiosidade era forte de mais - o que é que ela tem? - mordi o lábio quando falou em comida e apesar de não dever aceitar, precisava mesmo de comer ou ainda me dava alguma coisinha no caminho até casa - está bem, eu aceito um pão com queijo fresco... se tiveres - semicerrei-lhe também os olhos e ri-me do que disse - não ando a fazer nada de especial, só não posso enquanto estou em aulas, por isso... amanhã às quatro? Se tiver bom tempo ainda te levo à praia e tudo - disse com um sorriso de galã.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 08.06.14 0:16

Apesar de eu ter falado da minha mãe de uma forma muito vaga, na esperança de que ele não me fizesse perguntas, isso acabou por não acontecer. Soltei um suspiro, assim que ouvi a sua pergunta e baixei ligeiramente o olhar para as minhas mãos, entrelaçando os meus dedos uns nos outros.
- Ela está doente.- murmurei, num tom baixo e rápido e levantei-me logo depois, assentindo ao que me disse.- vem comigo, eu vou ver o que posso fazer para comeres.- apontei com o queixo em direcção à cozinha e antes de sair da sala, ouvi-o falar sobre o nosso encontro, ou sobre a nossa espécie de encontro, se é que chegava mesmo a ser um.- para mim está óptimo assim.- disse, obrigando-me a dirigir-lhe um sorriso, que acabou por sair naturalmente quando falou em levar-me à praia.- algo me diz que estás mesmo a adorar a minha companhia.- pisquei-lhe um olho, provocando-o, e depois sim, comecei a andar finalmente até à cozinha.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 08.06.14 0:24

-Desculpa - pedi, por me ter metido onde não era chamado. Também não gostava de falar das minhas coisas, principalmente do meu problema e enquanto pudesse ia evitar que as pessoas soubessem, antes que se espalhasse pelo mundo inteiro, por enquanto só dois ou três amigos sabiam, assim como a minha família, como é óbvio. Saí atrás dela até à cozinha, sentando-me na mesa da mesma e continuei a pensar num dia livre, mas amanhã parecia-me o dia ideal, visto que hoje parecia cedo demais. Ri-me com um encolher de ombros, que fazia com que a minha mãe me matasse se os visse - faz parte do meu charme.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Rebeca Brandão em 13.06.14 23:10

- Não tens de pedir desculpa.- disse assim que o fez.- eu é que não consigo falar muito sobre isto, é um assunto delicado para mim.- encolhi ligeiramente os ombros, entrando na cozinha à sua frente e fui logo ver o que é que podia fazer-lhe. Dirigi-me ao frigorífico, lembrando-me de que me tinha pedido uma sandes de queijo fresco e como tinha ali um, agarrei no mesmo, começando a preparar as coisas enquanto o ouvia. Ele parecia ser realmente simpático e apesar de brincalhão, não me parecia ser nem metade do que as revistas escreviam sobre ele. Isto era algo contraditório, uma vez que eu era jornalista, mas eu trabalhava num jornal, não numa revista cor de rosa. Levantei o olhar para ele assim que ouvi a sua gargalhada e acabei por fazer o mesmo face ao que disse.- vou ter de discordar.- gargalhei.- porque o meu charme é que parece ser demasiado irresistível.- disse com um ar todo espertinho.- visto que, para além de dois gelados, até já me queres levar à praia.- pisquei-lhe o olho, tentando soar o mais brincalhona possível e depois de a sua sandes estar feita, fiz-lhe um sumo de laranja para acompanhar.
avatar
Rebeca Brandão

Mensagens : 144
Data de inscrição : 09/05/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Jack Castelo em 13.06.14 23:20

-Não faz mal, a minha família também te assuntos complicados - disse de uma forma calma, mas logo sorri - tipo eu e o meu irmão - brinquei. Encostei-me à bancada sorrindo ao ver que havia mesmo queijo fresco e tentei ajuda-la com alguma coisa mas ela já tinha o pão à mão e era só enfiar lá o queijo. Roubei-lhe também uma maçã da fruteira com um sorriso inocente e comecei a comê-la em primeiro lugar - o teu charme é tu seres demasiado irresistível? - perguntei rindo-me - eu não gosto de estar sentado a comer o gelado, assim andamos e perdemos calorias - gozei rindo-me - a gelataria é mesmo ao lado da praia, porque é que ficamos só a vê-la e não aproveitamos? - perguntei com um sorriso inocente. Desviei o olhar para o sumo de laranja que ela estava a fazer e abanei a cabeça com uma careta - deixa estar o sumo, se for para mim. Eu estou bem assim.
avatar
Jack Castelo

Mensagens : 300
Data de inscrição : 01/02/2014

+ Info
Idade: 19
Estado Civíl: Casado
Cara-Metade: Finn Castelo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala de estar

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 4 1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum